ÔNIBUS INCENDIADOS

Empresas e entidades se mobilizaram contra os atos de vandalismo

O ano de 2014 começou pegando fogo no setor de transporte urbano, literalmente. De janeiro a maio, foram registrados 316 ônibus incendiados nas cidades brasileiras. O número é 179% maior do que foi registrado em todo o ano de 2013, quando 113 coletivos foram destruídos.

Esses atos de vandalismo sem precedentes no Brasil deixaram o setor em alerta. Algumas empresas e entidades realizaram campanhas publicitárias e ações na imprensa e nas mídias para estimular a denúncia desses crimes e alertar as autoridades sobre a necessidade de ações imediatas.

A NTU também realizou ações na imprensa e nas mídias sociais reforçando a situação de terror que o setor vivencia. A associação encaminhou uma carta oficial à presidenta da República, Dilma Rousseff, e uma nota aberta à sociedade e à imprensa, na qual manifestou publicamente a preocupação com o descontrole dos atos de vandalismos e com o estado de insegurança que coloca em risco a vida de milhares de brasileiros e pode comprometer a continuidade dos serviços prestados.

A nota publicada mostra que “cada vez é maior a insegurança e o risco empresarial da atividade, o que leva o setor a temer pela continuidade desse serviço que é essencial para a vida nas cidades”.

Confira algumas campanhas, faça o download das peças e divulgue você também!

 

  • Manifesto NTU

    “Vandalismo compromete serviços de ônibus”

    Tamanho: 419 KB
    Extensão: JPG

    Visualizar Download
  • Campanha SP - vídeo oficial

    Vídeo oficial da campanha "Ônibus queimado não leva a lugar nenhum"

    Formato: MP4
    Tamanho: 2 MB

    Visualizar Download
  • Campanha Rioonibus (Rio de Janeiro)

    "Ônibus queimado não serve à população", do Sindicato das Empresas do Rio de Janeiro.

    Formato: MP4
    Tamanho: 38 MB

    Visualizar Download